Imprimir Resumo


Anais :: 69° CBEn • ISSN: 2318-6518
Resumo: 159


159

Hemodiálise contínua na terapia intensiva: qualificação dos enfermeiros e impactos na segurança do paciente

Autores:
Bianca Ribeiro Porto de Andrade (bianca_ribeiroandrade@yahoo.com.br) (Escola de Enfermagem Anna Nery - Universidade Federal do Rio de Janeiro) ; Rafael Celestino da Silva (Escola de Enfermagem Anna Nery - Universidade Federal do Rio de Janeiro) ; Juliana Faria Campos (Escola de Enfermagem Anna Nery - Universidade Federal do Rio de Janeiro)

Resumo:
Introdução: No âmbito do modelo de organização da assistência de enfermagem em que a hemodiálise contínua é conduzida pelo enfermeiro da UTI, parte-se do entendimento de que em face das suas habilidades e conhecimento pode ser o principal condutor desta terapêutica. Objetivo: Analisar o manejo da hemodiálise contínua na UTI por enfermeiros quanto à qualificação destes e os seus impactos na segurança das ações de cuidado ao paciente. Método: Pesquisa exploratória-descritiva, qualitativa, realizada na UTI de hospital especializado. Captou-se 23 enfermeiros atuantes no manejo direto da hemodiálise contínua há mais de três meses, entrevistados com o uso de um roteiro semiestruturado de questões e os conteúdos produzidos passaram por análise temática. Resultados: Há lacunas na formação ao nível da graduação e pós-graduação, bem como no treinamento recebido. Tais deficiências implicam em dificuldades de manuseio da hemodiálise contínua quando é preciso a devolução do sangue ao paciente, calibração das balanças, montagem do sistema, principalmente pelos recém-formados, que comprometem a segurança do paciente. Conclusão: É importante investir num modelo de formação dos enfermeiros para o cuidado intensivo e, em específico para a hemodiálise contínua, com simulação prática, estímulo ao raciocínio clínico-diagnóstico, desenvolvimento da análise crítica, objetivando melhorar sua performance. Implicações para a enfermagem: Convém pensar na proposição de ferramentas que possam melhor orientar aos profissionais na condução das etapas da hemodiálise contínua.


Referências:
Richardson A, Whatmore J. Nursing essential principles: continuous renal replacement therapy. Nurs Crit Care. 2014 Jan; 20(1):8-15.