Imprimir Resumo


Anais :: 69° CBEn • ISSN: 2318-6518
Resumo: 559


559

TENDÊNCIA TEMPORAL E PERFIL EPIDEMIOLÓGICO DA MORTALIDADE POR CÂNCER DE PRÓSTATA EM SERGIPE, 2000 A 2015.

Autores:
José Augusto Passos Góes (goesmv@hotmail.com) (Universidade Federal de Sergipe - UFS) ; Danilo de Gois Souza (Universidade Federal de Sergipe - UFS) ; Joyce Santos Anchieta (Universidade Federal de Sergipe - UFS) ; Lucas Almeida Andrade (Universidade Federal de Sergipe - UFS) ; Simone Yuriko Kameo (Universidade Federal de Sergipe - UFS) ; Allan Dantas dos Santos (Universidade Federal de Sergipe - UFS)

Resumo:
INTRODUÇÃO: O câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens no Brasil, sendo considerado um câncer da terceira idade, já que cerca de três quartos dos casos no mundo ocorrem a partir dos 65 anos. Alguns desses tumores podem crescer de forma rápida, espalhando-se para outros órgãos elevando o risco de morte. OBJETIVOS: Analisar a tendência temporal e o perfil epidemiológico da mortalidade por câncer de próstata no estado de Sergipe. METODOLOGIA: Estudo ecológico, descritivo e de série temporal, através do uso de dados secundários dos óbitos por câncer de próstata ocorridos no estado de Sergipe e registrados no Sistema de Informação de Mortalidade (SIM/DATASUS) no período de 2000 a 2015. Analisou-se a tendência temporal através de regressão linear, considerando-se p


Referências:
Instituto Nacional de Câncer. Próstata. 2017. Disponível em: Acesso em: 16 jul. 2017.