Imprimir Resumo


Anais :: 69° CBEn • ISSN: 2318-6518
Resumo: 615


615

Visita Domiciliar a um portador de Esquizofrenia: relato de experiência na fronteira franco brasileira

Autores:
Leticia da Silva Mamede (leticiamamede22@gmail.com) (Universidade Federal do Amapá) ; Lediana da Silva Nascimento (Universidade Federal do Amapá) ; Adriane de Jesus Magno de Castro (Universidade Federal do Amapá) ; Ianny Carvalho de Araújo (Universidade Federal do Amapá) ; Fernanda Matos Fernandes Castelo Branco (Universidade Federal do Amapá/Universidade de São Paulo) ; Divane de Vargas (Universidade de São Paulo)

Resumo:
Introdução: A visita domiciliar (VD) é um conjunto de ações de saúde voltadas para o atendimento, seja ele assistencial ou educativo; sendo assim uma ferramenta fundamental de investigação para a prevenção e promoção da saúde. Objetivo: Relatar a experiência vivenciada por acadêmicos de enfermagem em visitas domiciliares com paciente esquizofrênico. Metodologia: Estudo descritivo, do tipo relato de experiência, realizados por uma docente juntamente com acadêmicas de enfermagem do quinto período da Universidade Federal do Amapá, através de VD nos meses de janeiro e fevereiro do corrente ano, em Oiapoque-AP. Resultados: A visita domiciliar permite uma maior abordagem da realidade do paciente avaliado, envolvendo fatores socioeconômicos e familiares, motivando a execução de ações de enfermagem mais humanas e individualizadas. Além da realização de atividades ocupacionais em saúde mental com o intuito de integrar socialmente o paciente índice e trabalhar aspectos subjetivos que ficam perdidos ou esquecidos devido ao processo de adoecimento da mente humana. Conclusões: A VD é uma tecnologia de cuidado no qual se cria uma via de mão dupla entre o cliente e profissional dividindo sentimentos, emoções e aprendizado, bem como oferta possibilidades concretas e diretas de desenvolver e ajudar o cliente no seu foco “problemático”. Sendo este estudo de grande valia para o restabelecimento de habilidades cognitivas e psicológicas antes esquecida pela esquizofrenia. Contribuições ou implicações para a Enfermagem: Almeja-se que este relato venha dar maior ênfase para os enfermeiros e os acadêmicos nas práticas de saúde durante seu processo de interação com pacientes esquizofrênicos, contribuindo para uma assistência mais qualificada.


Referências:
Referências: Silva, RCB. Esquizofrenia: uma revisão. Psicologia USP, 2006, 17(4), 263-285. Ferreira PQC et al. Visita domiciliar a um portador de síndrome de down e autismo: relato de experiência. Rev. Interd, 2015; 8(3):208-212.