Imprimir Resumo


Anais :: 69° CBEn • ISSN: 2318-6518
Resumo: 623


623

INCAPACIDADE FUNCIONAL - UMA CONSEQUÊNCIA DOS ACIDENTES DE TRÂNSITO PARA MOTOCICLISTAS COM LESÕES DE EXTREMIDADES

Autores:
Lilka Marques Santos (lilkamarquess@gmail.com) (Universidade Federal de Alagoas - Campus Arapiraca) ; Ana Paula Nogueira de Magalhães (Universidade Federal de Alagoas - Campus Arapiraca)

Resumo:
INTRODUÇÃO: Os acidentes de trânsito têm se tornado uma das principais causas de morte e incapacidade em todo o mundo, atingindo diversos setores da sociedade, especialmente o da saúde (1,2). O Brasil é um dos países com trânsito mais violento no mundo, e vem apresentando crescente número de ocorrências envolvendo motocicletas nas últimas décadas (1;3). OBJETIVO: Identificar os possíveis fatores associados à incapacidade funcional de motociclistas, vítimas de acidentes de trânsito, com lesões de extremidades após a alta hospitalar. METODOLOGIA: Trata-se de um estudo epidemiológico, do tipo coorte retrospectivo, realizado em uma unidade de emergência de referência para traumas no município de Arapiraca, Alagoas, Brasil. RESULTADOS: Os dados sociodemográficos apontam para o predomínio de jovens (39%), do sexo masculino (73,2%), casados/união estável (51,2%) e com baixa escolaridade (56,1%). Em relação ao tipo de acidente, houve predomínio de colisão entre moto versus carro (41,4%). A fratura de membros inferiores (41,5%) e os traumatismos múltiplos (41,5%) foram as lesões mais frequentes. Após a alta hospitalar, identificou-se por meio do Índice de Barthel, que 46,3% das vítimas apresentaram incapacidade funcional, causando limitações em suas atividades de vida diária. O tempo de internação mostrou-se como fator associado à incapacidade funcional desses motociclistas, indicando que a cada dia que o paciente permanece no hospital, aumenta a chance de dependência em 7,6%. CONCLUSÕES: Após a alta, tais vítimas necessitam de outros cuidados para que possam retornar às suas vidas como eram antes do trauma. Sendo assim, é fundamental garantir acesso à reabilitação, ao apoio psicológico e social. IMPLICAÇÕES PARA A ENFERMAGEM: A Enfermagem tem papel fundamental na prevenção deste tipo de violência através do desenvolvimento de ações de educação em saúde para os diversos setores da sociedade, promovendo conscientização e a redução de acidentes de trânsito envolvendo motociclistas. Decs: Acidentes de Trânsito. Motocicletas. Ferimentos e Lesões.


Referências:
MAGALHÃES, A. P. N. Acidentes de trânsito com adultos e suas consequências após a alta hospitalar. 2014. Tese (Doutorado em Enfermagem) - Escola de Enfermagem, Universidade de São Paulo, São Paulo. MATOS, M. A.; NASCIMENTO, J. M.; SILVA, B. V. P. Clinical and demographic study on open fractures caused by motorcycle traffic accidents. Acta Ortop Bras., v. 22, n. 4, p. 214-8, 2014.