Imprimir Resumo


Anais :: 69° CBEn • ISSN: 2318-6518
Resumo: 676


676

Contribuições da gestão universitária para enfermeiros docentes

Autores:
Maria Eduarda Grams Salum (dudasalum1@gmail.com) (Graduanda de Enfermagem da Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC) ; Kamylla Santos da Cunha (Enfermeira. Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC) ; Carolina Kahl (Enfermeira. Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC) ; Cintia Koerich (Enfermeira. Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC) ; José Luís Guedes dos Santos (Enfermeiro. Professor Adjunto do Departamento de Enfermagem da Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC. Dr. Em Enfermagem) ; Alacoque Lorenzini Erdmann (Enfermeiro. Professor Adjunto do Departamento de Enfermagem da Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC. Dr. Em Enfermagem)

Resumo:
Introdução: Os responsáveis pela gestão universitária majoritariamente são docentes que dividem em sua trajetória acadêmica, responsabilidades de administrar sistemas universitários(1). Assumem cargos administrativos, geralmente, sem preparo para gerenciar relações adequadas entre estrutura universitária, pessoas e objetivos da organização(2), aprendendo com a prática, trazendo consequências para si e para os envolvidos no processo. Objetivo: Compreender como a gestão universitária contribui na atuação de enfermeiros docentes gestores de uma universidade pública. Método: Pesquisa qualitativa ancorada na Teoria Fundamentada nos Dados(3). Trata-se de um recorte do componente "Consequência" (3), do modelo paradigmático(3) que expressa os desfechos e resultados previstos ou reais das contribuições da gestão universitária realizada pelo docente. Considerando a importância e relevância deste componente para a compreensão do fenômeno "Articulando coletivos complexos por meio da gestão universitária para formação qualificada de novos enfermeiros". O cenário de coleta de dados foi uma universidade pública do sul do Brasil e ocorreu entre maio e setembro de 2016, compondo uma amostragem teórica 19 enfermeiros docentes gestores, divididos em dois grupos amostrais. Resultados: Ressaltaram duas subcategorias: "Obtendo uma visão ampliada da universidade" e "Compreendendo que a gestão universitária aperfeiçoa a atuação docente". Conclusões: As contribuições da gestão universitária para os enfermeiros docentes gestores encontram-se especialmente na satisfação profissional e pessoal através da produção e disseminação do conhecimento, repercutindo de forma positiva no aperfeiçoamento de competências docentes para a formação de Enfermeiros com conhecimentos, habilidades e aptidões técnicas e cognitivas para atender às necessidades da sociedade. Descritores: Educação Superior; Docentes de Enfermagem; Pesquisa em administração de Enfermagem.


Referências:
1. Schlickmann R. Administração universitária: Desvendando o campo científico no Brasil [tese]Florianópolis, Universidade Federal de Santa Catarina; 2013. 2. Tamayo HVB. Planeamiento estratégico en universidades de America latina. RevistaGual, 2016;9(1):257-277. 3. Corbin J, Strauss A. Basics of qualitative research: techniques and procedures for developing Grounded Theory. 4th ed. Los Angeles (CA): SAGE; 2015.