Imprimir Resumo


Anais :: 69° CBEn • ISSN: 2318-6518
Resumo: 695


695

A atuação interdisciplinar do enfermeiro na educação profissional em saúde para qualificar os trabalhadores do SUS: relato de experiência

Autores:
Mariana Gomes de Oliveira (marianagomes.enf@hotmail.com) (Universidade Estadual de Ciências da Saúde) ; Tânia Kátia de Araújo Mendes (Universidade Estadual de Ciências da Saúde) ; Rudja Maria Leite de Abreu (Universidade Estadual de Ciências da Saúde)

Resumo:
Introdução: A Rede de Escolas Técnicas do SUS atua na formação inicial e continuada e na formação técnica da atenção à saúde. Assim, a Escola Técnica de Saúde Professora Valéria Hora (Etsal), unidade de ensino da Uncisal, desenvolve cursos nos 102 municípios alagoanos com o objetivo de fortalecer a qualificação das ações de saúde. Objetivo: Descrever a atuação interdisciplinar do enfermeiro na educação profissional. Metodologia: Há o planejamento de projetos para fortalecer a educação permanente do Estado, que após aprovados são financiados pelo Ministério da Saúde. Posteriormente, instrutores selecionados participam de capacitação pedagógica com ênfase na metodologia da problematização e capacitação específica de acordo com o curso. A execução do curso acontece nos municípios, onde os trabalhadores recebem material didático. Resultados: Atualmente há os cursos de atualização em sala de vacinas, qualificação de agentes de endemias e de agentes comunitários de saúde e técnico em vigilância em saúde. O planejamento contempla os projetos de Programa de Redução da Mortalidade Infantil; Motivação no processo de trabalho, AVASUS e cursos de curta duração voltados para as linhas de cuidado. Conclusões: O enfermeiro contribui para a garantia do acesso à saúde com qualidade, pois promove educação permanente por meio de processos formativos e da qualificação dos profissionais em áreas prioritárias do SUS. Contribuições para a Enfermagem: A atuação interdisciplinar dos docentes de enfermagem na Etsal tem fortalecido o processo de trabalho para a elaboração de cursos que qualificam os trabalhadores do SUS.


Referências:
Referências: VIEIRA, M.; CHINELLI, F. Relação contemporânea entre trabalho, qualificação e reconhecimento: repercussões sobre os trabalhadores técnicos do SUS. Ciênc. saúde coletiva. 2013. BRASIL. Ministério da Saúde. Guia de Vigilância em Saúde. 1. ed. Brasília: Ministério da Saúde, 2016.