Imprimir Resumo


Anais :: 69° CBEn • ISSN: 2318-6518
Resumo: 1045


1045

ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM A UM PACIENTE EM ESTADO VEGETATIVO ACOMETIDO POR TCE: RETALO DE CASO

Autores:
Cleanny Sales Lima (cleanny4321@gmail.com) (Faculdade CESMAC do Sertão) ; Bruna Maria dos Santos (Faculdade CESMAC do Sertão) ; Jéssica Sanielly da Silva Pereira (Faculdade CESMAC do Sertão) ; Leiliane Leite dos Santos (Faculdade CESMAC do Sertão) ; Rafaela Lira Mendes Costa (Universidade Federal de Alagoas)

Resumo:
Introdução: O traumatismo cranioencefálico (TCE), representa um dos principais problemas de saúde pública. Considerado a terceira causa mais comum de óbito em adolescentes e adultos, o TCE pode deixar sequelas importantes como a condição vegetativa¹, que requer cuidados especiais para a minimização do sofrimento². Objetivo: Descrever a assistência de enfermagem a um paciente em estado vegetativo acometido por TCE. Metodologia: Trata-se de um estudo descritivo, do tipo relato de caso, realizado no período de maio a junho de 2017. Através de visitas domiciliares mensais, a um paciente vítima de TCE que há 3 anos recebe acompanha- mento em sua residência. Resultados: A equipe prestou cuidados paliativos, visando uma melhoria na qualidade de vida do paciente e de sua família. Houve uma resposta satisfatória, o mesmo não apresentou infecções, lesões por pressão e nenhuma outra alteração durante as visitas. Observou-se que a família contribui diretamente nessa assistência, além dos procedi- mentos de rotina, apresentaram dedicação, atenção e amor que são fundamentais para o cuidado. Conclusão: Portanto, para prestar uma assistência de qualidade a este paciente, é necessário que a equipe de enfermagem realize um cuidado sistematizado, humanizado e de forma integral. Contribuições para Enfermagem: O enfermeiro é considerado elemento chave na prestação de cuidados ao paciente com TCE, devendo buscar continuamente seu aprimora- mento para realizar uma assistência efetiva. Descritores: Assistência de Enfermagem, Cuidados Paliativos, Saúde Pública.


Referências:
AUMA, Paul Okoth. Tratamento e cuidado dos pacientes em estado vegetativo persistente: um debate de vida e de morte. REVISTA DE TEOLOGIA (RevEleTeo). ISSN 2177-952x, v. 10, n. 17, p. 267-276, 2016. OLIVEIRA, Débora Moura da Paixão; PEREIRA, Carlos Umberto; FREITAS, Záira Moura da Paixão. Escalas para avaliação do nível de consciência em trauma cranioencefálico e sua rele- vância para a prática de enfermagem em neurocirurgia. 2014.