Imprimir Resumo


Anais :: 69° CBEn • ISSN: 2318-6518
Resumo: 1198


1198

PERFIL SOCIODEMOGRAFICO DE IDOSAS ASSISTIDAS PELA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA

Autores:
Horacio P Medeiros (horacio_medeiros@yahoo.com.br) (Estácio Castanhal) ; Elizangela Gondin (Estácio Castanhal) ; Elizabeth Teixeira (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)

Resumo:
INTRODUÇÃO: O Brasil vem experimentando uma transição demográfica acelerada, com a queda acentuada nos níveis de fecundidade, além da influência na queda da mortalidade em todas as idades. O país vive um período de envelhecimento, modificando o formato triangular da pirâmide populacional, com a base larga, que vem dando lugar, ao longo dos anos, a uma pirâmide etária típica de uma população em processo de envelhecimento (BORGES, 2015). OBJETIVO: Identificar o perfil sociodemográfico desses idosos. METODOLOGIA: Trata-se de um estudo com abordagem qualitativa, do tipo exploratório. A coleta de dados foi realizada em dois momentos: 1 convite aos participantes que atenderem aos critérios de inclusão para assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE); momento 2: aplicação de um formulário voltado à identificação pessoal e sociodemográfico. Para a análise dos dados, foi utilizada a análise estatística descritiva com base no programa Excel 2007. RESULTADOS: Constatou-se que a média da idade correspondeu a 60-69 (50,49%) anos, quanto ao sexo houve um maior predomínio do o sexo feminino com 94,05% dos participantes, verificou-se que todos os idosos referem um credo religioso, sendo mais predominante entre os participantes à religião católica com uma representatividade de 90,09%. No presente estudo identificamos que todos os idosos participantes da pesquisa possuem renda própria, sendo a sua maioria aposentados 84 (83,16%) e pensionistas 14(13,86%). Os idosos da pesquisa em questão possuem renda média de três salários mínimos, correspondendo á 66,33% dos participantes. CONCLUSÃO: O conhecimento das características dos idosos que frequentam o grupo de convivência poderá contribuir para ações visando à participação de mais idosos.


Referências:
SÁ, C. M. S; SOUZA, N. V. D. O; CALDAS, C. P; LISBOA, M. T. L; TAVARES, K. F. A. O Idoso no mundo do trabalho: configurações atuais. Cogitare Enfermagem, v. 16, n. 3, p. 536-542. Paraná, 2011. SANTANA, M. S. Dimensão psicossocial da atividade física na velhice. Fractal: Revista de Psicologia, v. 23, n. 2, p. 337-352. Niterói, Rio de Janeiro, 2011