Imprimir Resumo


Anais :: 69° CBEn • ISSN: 2318-6518
Resumo: 1235


1235

DIAGNÓSTICOS DE ENFERMAGEM IDENTIFICADOS NO PRÉ-NATAL DE BAIXO RISCO EM UMA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE, BELÉM-PARÁ

Autores:
Jaqueline Vieira Magalhães Dias (jaack.vieira@hotmail.com) (FACULDADE PAN AMAZÔNICA - FAPAN) ; Dayara de Nazaré Rosa de Carvalho - Fapen (FACULDADE PARAENSE DE ENSINO - FAPEN) ; Roziane Vieira Fima (FACULDADE PARAENSE DE ENSINO - FAPEN) ; Rudnelson Vieira Magalhães Dias (UNIVERSIDADE DO ESTADO DO PARÁ - UEPA) ; Elisa da Silva Feitosa (FACULDADE PAN AMAZÔNICA - FAPAN) ; Viviane Ferraz Ferreira de Aguiar (UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ - UFPA)

Resumo:
INTRODUÇÃO: Anualmente, cerca de 600 mil mulheres morrem no mundo por complicações da gravidez, parto e puerpério. Os diagnósticos de enfermagem servem de base para o enfermeiro planejar suas intervenções de enfermagem visando melhor resultado para o paciente. OBJETIVO: Identificar os principais Diagnósticos de Enfermagem, baseado no Nanda I,durante as consultas de enfermagem no pré-natal atendidas em uma Unidade Básica de Saúde(UBS) na cidade de Ananindeua-Pa. MÉTODO: Trata-se de um estudo descritivo com abordagem qualitativa do tipo relato de experiência, realizado por acadêmicos do curso de enfermagem de uma Instituição de Ensino Superior (IES) Privada, no período de março a abril de 2017, durante estágio curricular. RESULTADOS: Foram identificados os seguintes diagnósticos de enfermagem: a) disposição para controle da saúde aumentado, caracterizado pelo desejo de melhorar o controle dos sintomas; b) dor aguda, relacionado à gravidez, caracterizado pelo relato verbal de dor após urinar, nas costa e pernas ; c) padrão do sono prejudicado, relacionado a mudança constante de posição e necessidade de urinar por causa da gravidez, caracterizado por relato verbal que acorda várias vezes durante a noite. CONCLUSÃO: Para que a enfermagem realize uma assistência pré-natal de qualidade e com competência, faz-se necessário o desenvolvimento de inúmeros conhecimentos e habilidades desde a prática acadêmica. CONTRIBUIÇÕES PARA A ENFERMAGEM: Em sua formação o enfermeiro desenvolve habilidades técnico-científicas que favorecem a organização e sistematização do cuidado. As tecnologias de cuidado de enfermagem estão baseadas no respeito à individualidade e autonomia do sujeito a ser cuidado, no acolhimento, princípios éticos, estéticos e técnicos do cuidado.


Referências:
1-Rios CTF, Vieira NFC. Ações educativas no pré-natal: reflexão sobre a consulta de enfermagem como um espaço para educação em saúde. Ciênc. Saúde coletiva 2011; 12(2):477-86. 2- Fuly PSC, Leite JL, Lima SBS. Correntes de pensamentos nacionais sobre Sistematização da Assistência de Enfermagem. RevBrasEnferm 2010;61(6):883-7. 3. NANDA International. Diagnósticos de enfermagem da NANDA: definições e classificação 2015-2017. Porto Alegre: Artmed; 2015. 452p.