Imprimir Resumo


Anais :: 69° CBEn • ISSN: 2318-6518
Resumo: 1725


1725

EDUCAÇÃO EM SAÚDE EM UMA COMUNIDADE QUILOMBOLA DA AMAZÔNIA SOBRE ACIDENTES COM ANIMAIS PEÇONHENTOS

Autores:
Igor Almeida de Freitas (igor_freitas55@hotmail.com) (Universidade do Estado do Pará) ; Annela Isabell Santos da Silva (Universidade do Estado Pará) ; Lucivania dos Santos Almeida (Universidade do Estado do Pará) ; Ingrid Fabiane Santos da Silva (Universidade do Estado do Pará)

Resumo:
INTRODUÇÃO: Os acidentes com animais peçonhentos representam um grave problema de saúde pública, tanto pela frequência com que ocorrem quanto pela sua gravidade, podendo levar ao óbito¹. OBJETIVO: Compartilhar informações sobre acidentes com animais peçonhentos com crianças de uma comunidade quilombola. METODOLOGIA:Trata-se de um relato de experiência vivenciado por acadêmicos de enfermagem do 8° semestre realizado durante a prática do componente curricular Atenção de Enfermagem aos Povos e Populações Tradicionais da Amazônia. Nesta, teve-se a oportunidade de realizar uma ação educativa por meio da ferramenta pedagógica "roda de conversa" sobre os acidentes com animais peçonhentos na comunidade quilombola do Abacatal, situada no município de Ananindeua, região metropolitana de Belém-Pará, que contou com a participação de 15 crianças. RESULTADOS: Percebeu-se grande interação do público com o tema apresentado, no qual pode-se conversar com os participantes sobre as características das espécies venenosas, e ao exibi-las por meio de imagens identificou-se o reconhecimento destes animais pelas crianças. Além disso, foram mencionadas medidas de prevenção aos acidentes com animais peçonhentos. CONCLUSÃO: Conclui-se que o objetivo fora alcançado, que ante ao compartilhamento das informações sobre os animais peçonhentos com as crianças quilombolas estas demonstraram conhecimentos prévios sobre os animais que apresentam potenciais riscos para a saúde da comunidade. CONTRIBUIÇÕES PARA ENFERMAGEM: A enfermagem tem protagonismo na educação em saúde, e constantemente deve-se estar desenvolvendo ações educativas que considerem a realidade e o modo de vida das comunidades quilombolas, trabalhando a promoção e prevenção à saúde. DESCRITORES: Grupo com Ancestrais do Continente Africano; Animais Venenosos; Educação em Saúde.


Referências:
1. Busato MA; Corralo VS; Bordin SMA; et al. Acidentes por animais peçonhentos no oeste do estado de Santa Catarina, Brasil. Uberlândia (MG). Hygeia. 2014; 10(8).