Imprimir Resumo


Anais :: 69° CBEn • ISSN: 2318-6518
Resumo: 1790


1790

VIVÊNCIAS DO "PUXADINHO" ESPAÇO DA EDUCAÇÃO POPULAR EM SAÚDE NO TERRITORIO UBSF O - 02, MANAUS, AM

Autores:
Tereza Neuman de Andrade Torres Portugal (portugal.moss63@gmail.com) (SECRETARIA MUNICIPAL DE SAUDE DE MANAUS) ; Jessica Daria Torres Portugal Passos (secretaria municipal de saúde de manaus)

Resumo:
Introdução: A concepção de educação popular concebida por Paulo Freire (2000) difere de treinamento ou da simples transmissão de informações. Significa a criação de um senso crítico que leve as pessoas a entender, comprometer-se, elaborar propostas, cobrar e transformar-se. Nessa perspectiva da educação popular diagnosticou como fundamental para a transformação da realidade no contexto da Estratégia Saúde da Família - UBSF O - 02, a construção de um espaço físico dentro da UBSF, denominado pela equipe de saúde de "puxadinho" espaço de auto-reflexão e a relação com o outro, bem como espaço significativo para o trabalho dos profissionais de saúde no fortalecimento do vinculo com comunidade. Objetivo: Descrever a experiência vivenciada pela equipe de saúde no "puxadinho" na condução das ações de saúde pautada na educação popular no território da UBSF O - 02. Metodologia: O trabalho baseou-se na abordagem qualitativa com foco na observação e relatos dos atores sociais envolvidos, para isso, foi utilizado oficinas e roda de conversas. Participaram diversos atores como acadêmicos de enfermagem da Universidade Federal e Estadual, lideres comunitários, usuários, gestores de gerentes da SEMSA. Resultados: As atividades decorreram de um processo de construção coletiva entre equipe de saúde e os demais participantes. As ações foram preparadas com base nas necessidades da comunidade. Foram realizados vários momentos como: Oficina de Educação Permanente da ESF; Encontro de Educação em saúde, I Mostra de Saúde Ambiental da comunidade do Bairro da Paz, II mostra de Saúde Ambiental, I Encontro de alimentação saudável do Bairro da Paz. Conclusão: A experiência do puxadinho é pautada de forma a favorecer a construção de espaços reais de diálogo, criação, do aporte das pessoas, roda de conversas, "Tapiri do conto", é um espaço de amorosidade, e espiritualidade, na arte de cuidar. Implicações para a Enfermagem: As práticas do enfermeiro na ESF devem ser pautadas na ação-reflexão, que ultrapasse a visão fragmentada de saúde e que cada vez mais se torne um sujeito ativo no território vivo da saúde.


Referências:
FREIRE, Paulo. Educação como prática de liberdade: a sociedade brasileira em transição. Rio de Janeiro, Paz e Terra, 2000