Imprimir Resumo


Anais :: 69° CBEn • ISSN: 2318-6518
Resumo: 1836


1836

ÊXITO EM ONCOLOGIA - UMA ANÁLISE TRANSPESSOAL DA EXPERIÊNCIA DE PESSOAS APÓS TRATAMENTO

Autores:
Sabrina Oliveira Reis (sabrynna_7@hotmail.com) (Universidade Federal da Bahia, Instituto Multidisciplinar em Saúde, Campús Anísio Teixeira) ; Emanuelle Caires Dias Araújo Nunes (Universidade Federal da Bahia, Instituto Multidisciplinar em Saúde, Campús Anísio Teixeira)

Resumo:
Introdução. O câncer é visto como uma doença estigmatizante que na descoberta do seu diagnóstico é carregada de representações sociais de vitimização da pessoa acometida. De encontro a esta representação histórica, este estudo surge com a proposta de buscar o outro lado da oncologia ao conhecer histórias de pessoas que vivenciaram um câncer e atualmente convivem com o sentimento de cura e superação. Utiliza como aporte teórico a Teoria do Cuidado Transpessoal (WATSON, 2002). Objetivo. Analisar, sob a lente Transpessoal, histórias de pessoas que vivenciaram o câncer e sobrevivem com qualidade de vida. Método. Pesquisa descritivo-exploratória, qualitativa realizada em domicilio com 12 indivíduos, escolhidos por métodos não probabilísticos de conveniência que foram diagnosticados com um câncer e obtiveram êxito no tratamento, persistindo há pelo menos 03 anos sem recidivas e residentes em Vitória da Conquista, Bahia. A coleta envolveu uma dinâmica com espelho e entrevista semiestruturada analisada mediante o modelo de análise de conteúdo interativo de Miles e Huberman. Resultados. Evidenciaram quatro eixos: O impacto do diagnóstico; O outro lado da oncologia; O diferencial da rede de apoio; O caminho para a "cura". Conclusão. Ficou evidente a importância do Cuidado Transpessoal à pessoa com câncer no direcionamento de concretizar a experiência positiva referida neste estudo como "o outro lado da oncologia", o qual evidencia aspectos que devem motivar novas pesquisas. Implicações para a Enfermagem. Especialmente à Enfermagem, o estudo direciona a relevância do cuidado diferenciado e humanístico que a Transpessoalidade pode proporcionar, a partir da parceria interdisciplinar e promoção de uma práxis assistencial que transcenda o corpo ao encontro da resiliência mental e cura da alma. Descritores: Oncologia, Cuidado, Transpessoal.


Referências:
WATSON J. Enfermagem: ciência humana e cuidar uma teoria de enfermagem. Tradução: Enes J. Portugal: Lusociência; 2002.